Feeds:
Posts
Comentários

Archive for junho \09\UTC 2012

Para remover um Kernel antigo do Fedora via Terminal (Konsole), é muito simples, pois basta executar dois passos:

1- Verificar quais Kernel estão instalados:

– digite no Terminal: $ yum info kernel
Este comando vai mostar que kernels estào instalados no seu sistema, deve ser algo como: kernel-versão (ex: kernel3.3.4-5.fc17)

2- Removendo o kernal antigo:
– digite no Terminal o comando: $ sudo yum remove kernel-versão (substitua “versão” pelo número anotado anteriormente).

Rápido e tranquilo. O grub será atualizado automaticamente com este comando.

inté!

 

Anúncios

Read Full Post »

Oi pessoALL!

É isso mesmo… estou usando o Fedora 17 como meu sistema operacional principal. Quem me conhece sabe que sou fã do openSUSE, mas tive alguns problemas em relação ao uso do pendrive, na verdade as vezes não conseguia ter permissão necessária para usar um pendrive e tinha que recorrer ao modo texto, então, isso me levou a experimentar outras distros.

 

A primeira foi o Kubuntu 12.04, muito boa por sinal e na minha opinião mais agradável de usar do que o Ubuntu. Embora o Kubuntu seja ótimo, eu quis experimentar outras. Instalei o Mageia 2.0, que gostei, mas no início do uso achei ele meio lento para efetuar as configurações iniciais, pois demorava muito para abrir as janelas, em seguida, instalei o Fedora 17.

 

sempre tive vontade de usar o Fedora, mas não me sentia pronto para ele. Nos testes em Livecd através de um pendrive, o sistema sempre se mostrou rápido e bonito, então, resolvi instalar.

 

A instalação foi tranquila e rápida e no final, o sistema se mostra bonito, leve e estável. Instalei diversos pacotes de programas que costumo usar (Gimp 2.8, inkscape, filezilla, apache, mysql, k3b, smplayer, traverso, audacity, acetoneiso2, thunderbird, firefox, libreoffice, wine com word, excel, powerpoint, virtualdj e outros), ou seja, até agora tudo que precisei foi fácil de encontrar nos repositórios. A única coisa que achei desnecessário no sistema foi de ele vir com o Calligra Office no lugar do LibreOffice que na minha opinião está muito à frente do Calligra.

Resumindo, eu estou usando o sistema há uma semana e estou gostando bastante..Estou aprendendo muita coisa, pois não conhecia o Fedora e o costume de ter tudo a mão através do Yast do openSUSE ou MCC do Mageia/ Mandriva, nos acostuma mal. Aliás se o Fedora tivesse um Centro de Controle similar ficaria nota 11. O script EasyLife disponibilizado na página do Projeto Fedoraé uma mão na roda para usuários iniciantes e acho que até avançado, pois facilita muito a instalação de muitos aplicativos e certas configurações do sistema.
Por enquanto sou só amores com o Fedora 17 e espero que este namoro dure. Depois sereimais detalhista em outro post.
Vamos falar sobre o Fedora??
Um abraço!

 

Read Full Post »